quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Nostalgia de Inverno



Num dia triste de Inverno,
olhando da minha janela;
vejo o céu que está chorando
e eu!...choro! a olhar por ela...

Sinto também a tristeza,
que reina em meu redor,
sozinha!... sinto a saudade...
saudade de um grande amor...

Esse amor que já partiu,
para nunca mais voltar,
talvez!... um dia o encontre...
quando à eternidade chegar...

A eternidade é uma crença,
que ainda ninguém provou,
mas dá-nos alguma esperança,
de voltar, ao que já passou...

autor: Manuela Vital

4 comentários:

Fê-blue bird disse...

Amiga:

Um Natal cheio de Luz!
Espero que goste como eu deste lindo poema, é o meu "presente" para si.

"Velho Menino-Deus que me vens ver
Quando o ano passou e as dores passaram:
Sim, pedi-te o brinquedo, e queria-o ter,
Mas quando as minhas dores o desejaram...

Agora, outras quimeras me tentaram
Em reinos onde tu não tens poder...
Outras mãos mentirosas me acenaram
A chamar, a mostrar e a prometer...

Vem, apesar de tudo, se queres vir.
Vem com neve nos ombros, a sorrir
A quem nunca doiraste a solidão...

Mas o brinquedo... quebra-o no caminho.
O que eu chorei por ele! Era de arminho
E batia-lhe dentro um coração..."

NATAL, de Miguel Torga

Beijinhos

Manuela disse...

Amiga

De facto é um Lindo Poema, outra coisa não era de esperar de Miguel Torga.

Desejo um novo ano cheio de inspiração.

Muitos beijinhos
Manuela

Helen Wilkie disse...

Eu gosto muito destas pensoes, Manuela. Espero que é verdad!

Disculpa do meu Portugues, e espero que compreendes.

Beijinhos da Tua Amiga Canadiana,
Nell

Manuela disse...

Hello Nell

I really enjoyed of your comment, I'll try to write in English.
My English is bad, I can only with the help of the dictionary

Beijinhos girlfriend Portuguese

Manuela Vital